O papel dos cursos de catálogo na criação das Trilhas de Conhecimento

Nem sempre é fácil saber por onde começar um novo processo de aprendizado: grande parte dos profissionais é capaz de reconhecer os seus talentos e propósitos, ou sabe como devem conduzir as suas carreiras, mas nem sempre têm certeza do que precisam aprender ou fazer de forma sequenciada para chegar lá.

As trilhas de conhecimento combinam treinamentos e ferramentas específicas em uma experiência de aprendizado única, auxiliando organizações e equipes a desenvolver as habilidades certas, na ordem correta.

O planejamento e gerenciamento dos cursos pensados para seu projeto devem ser estruturados com máxima eficiência, para garantir que os benefícios do treinamento sejam percebidos em sua operação. Quando se trata de compor as trilhas de conhecimento é essencial a criação de experiências positivas de aprendizado, que garantam bons níveis de retenção do conhecimento e um engajamento maior de seus profissionais aos objetivos de treinamento.

Cursos de catálogo: uma solução inteligente para desenvolver competências

Existem três tipos principais de competências: individuais, profissionais e organizacionais. Dentro de cada um destes grupos habitam outras categorias diversas de habilidades e conhecimentos, que podem ser divididas entre comportamentais, estratégicas e técnicas, por exemplo.

Podemos desenvolver cada uma destas competências através de metodologias e caminhos específicos, mas uma grande parte deste saber pode ser promovido através de cursos prontos, desenvolvidos a partir de conceitos universais que agregam ao treinamento entendimentos e conhecimentos comuns e fundamentais ao desenvolvimento de cada profissional.

Os cursos de catálogo ou de prateleira, como são chamados estes treinamentos “prontos”, oferecem um aprendizado gradual sobre os mais diversos tópicos, garantindo a seu time um passo a passo que os ajudará a reunir diversas habilidades, especialmente aquelas associadas ao senso de colaboração, boa comunicação, curiosidade, responsabilidade e organização, dentre outras.

É possível estruturar Trilhas de Conhecimento através de cursos de catálogo – e o melhor, sem desenvolver tudo do zero.

É preciso basear a tomada de decisão entre um projeto personalizado ou um treinamento de prateleira considerando as necessidades específicas de sua organização, o orçamento disponível para o projeto e, sobretudo, as necessidades de seus alunos corporativos.

Mas não se iluda: os cursos de catálogo também exigem planejamento. A definição do conteúdo e do público-alvo do treinamento são dois aspectos cruciais para o sucesso da adoção de cursos de prateleira – estes materiais também podem atender a diferentes objetivos e podem ser moldados para atender a diferentes níveis profissionais, por exemplo.

Apesar do desenvolvimento prévio de conteúdo, os cursos de catálogo podem contribuir com as trilhas de conhecimento ao oferecer uma modulação estruturada, bom design instrucional e uma variedade de opções de conteúdos voltados para iniciantes, intermediários e avançados. Esta multiplicidade de escolhas ajuda a garantir a seus profissionais um aprendizado individualizado, de acordo com os aspectos mais relevantes para seus objetivos de carreira.

Cursos de catálogo também oferecem boas experiências de aprendizado de seus alunos – mas como saber se realmente atendem às necessidades e expectativas de seus profissionais?

Antes de fornecer qualquer experiência e-Learning através de cursos de catálogo, é preciso analisar as necessidades e expectativas de seu público-alvo, levando em consideração seus perfis pessoais, histórico de formação, experiências profissionais pregressas, necessidades de aprendizado, habilidades e atitudes. Estas informações são fundamentais para compreender de forma mais ampla os desafios enfrentados pelo seu time, garantindo que o treinamento e as trilhas de conhecimento sejam estruturados de acordo com o cenário atual vivenciado pela organização.

Outro ponto importante é conhecer em detalhes os conteúdos e funcionalidades oferecidos pelo curso de prateleira, em relação às competências que precisam ser desenvolvidas. É possível encontrar cursos curtos e objetivos que podem ser suficientes para necessidades específicas como a introdução básica a um tema ou a simples equalização do conhecimento. Outros cursos de catálogo podem ser mais abrangentes e extensos, o que pode oferecer uma formação mais completa quando essa for a necessidade mapeada para um profissional ou público. Entretanto, nem sempre os cursos prontos serão suficientes para desenvolver novas competências.

Nestes casos não é preciso desconsiderar os cursos de catálogo – pelo contrário, eles podem ser utilizados para compor as trilhas de aprendizado sem que seja necessário desenvolver seu treinamento ou curso do zero, garantindo custos e prazos menores para sua organização e permitindo que seu time de gestores se dedique a construir as trilhas de conhecimento personalizadas para seu projeto, porque o aprendizado fundamental já está garantido.

Outro requisito para verificação: a acessibilidade. Ao analisar um curso de catálogo, verifique se ele é compatível com a tecnologia mobile, se o acesso ao conteúdo e atividades propostas é garantido a seus alunos através de notebooks, tablets ou smartphones, e dentro do nível de conectividade disponível para eles. Caso positivo, o engajamento de seus profissionais será muito maior, elevando também os níveis de retenção do conhecimento adquirido. Outro aspecto importante e ligado à acessibilidade é a usabilidade – o treinamento precisa ser conciso, simples e funcional, com navegação, downloads e acessos rápidos e fáceis.

Como escolher o melhor fornecedor

Depois de identificar metas e objetivos de aprendizado é hora de buscar um fornecedor e verificar se ele oferece cursos de catálogos que atendam às suas necessidades de treinamento. Além de estudar em detalhes os conteúdos, interações e atividades propostas por seus cursos de prateleira, observe o que cada fornecedor tem a oferecer: confira sua reputação, sua experiência e suas qualificações. Avalie, sobretudo, como é o suporte técnico oferecido aos clientes e se existem custos adicionais.

Se o fornecedor tiver as habilidades e a experiência necessárias para realizar seu projeto, é hora de seguir em frente e ampliar a sua oferta de treinamentos.

Um bom curso de catálogo deve oferecer uma experiência e-Learning imersiva. Deve ser envolvente, significativo, memorável e motivador.

Um treinamento deve sempre oferecer uma experiência diferenciada de aprendizado. Alunos do meio corporativo são autodirigidos e se tornam cada vez mais motivados quando atuam com liberdade de escolha, um dos pilares do aprendizado personalizado. Quando o conhecimento é oferecido de forma envolvente e conectada com a realidade prática do ambiente de trabalho de seus profissionais conquistamos um engajamento extremamente valoroso – alunos motivados a aprender, desenvolver suas habilidades, modificar seus comportamentos e melhorar seu desempenho são o melhor resultado que podemos esperar de treinamentos corporativos.

Ter em mente estes fatores é fundamental para garantir que o processo de escolha dos cursos de catálogo atenda às expectativas de seus alunos e aos objetivos da organização, além de assegurar que a estruturação das trilhas de conhecimento ocorra conforme as metas traçadas para o seu projeto!

Equipe Clarity
www.clarity.com.br

 

 

04 razões especiais para adotar as trilhas de conhecimento

Aprender é uma jornada: o conhecimento nos conduz constantemente por novos caminhos, novos pensamentos, novos saberes. Um dos maiores trunfos dos treinamentos na modalidade e-Learning é a capacidade de adaptar essa jornada de acordo com cada aluno, respeitando suas características e também de acordo com as necessidades e objetivos da organização.

Uma estratégia para viabilizar isso são as Trilhas de Conhecimento, um conjunto de conteúdos e atividades que são apresentados gradualmente aos alunos, de forma sequenciada e estruturada, para que eles avancem de forma orientada e de acordo com seus objetivos e ritmos individuais.

As Trilhas de Conhecimento representam o caminho individual de aprendizado para cada aluno, de forma a promover maior engajamento, foco e retenção.

Pouco importa onde esteja em sua carreira: todo profissional deve ser motivado a continuar aprendendo. Mas para garantir este desenvolvimento será preciso definir qual será o caminho de aprendizado que ajudará cada um de seus colaboradores a maximizar seu potencial. Este trabalho não é positivo apenas para seu time – ele também é importante para o desempenho atual e futuro de sua organização!

Com as trilhas de conhecimento podemos agregar uma série de benefícios aos seus treinamentos corporativos, sobretudo por se tratar de um método que pode promover um aprendizado dirigido, rápido e envolvente em um mundo cada vez mais acelerado e digital. Separamos a seguir 04 benefícios das trilhas de conhecimento. Vamos conferir?

Flexibilidade de criação e entrega: As trilhas de conhecimento são compostas por interações personalizadas para cada conjunto de módulos do treinamento, com critérios e atividades especificamente desenvolvidos para os objetivos de cada uma destas etapas – o segredo deste método está em transformar tarefas complexas em pequenas tarefas gerenciáveis, permitindo flexibilidade tanto na criação do conteúdo, quanto em sua entrega e compartilhamento: a acessibilidade via notebooks, smartphones e tablets, somada à conveniência do acesso on-line 24 horas ajudam a garantir a adesão ao sistema de gerenciamento de aprendizagem (LMS). Outro ponto positivo desta flexibilidade é o fato de permitir a entrega de certificações parciais, à medida que o aluno avança pelas etapas do treinamento – esta possiblidade aumenta a motivação individual de seus profissionais, pois garante uma sensação de realização e avanço cada vez que um módulo é concluído.

Novas competências em menos tempo: as trilhas de conhecimento garantem um aprendizado direcionado, garantindo maior otimização do tempo de quem aprende. Com sua construção modular é possível atacar diversos pontos distintos das necessidades de treinamento ao mesmo tempo, sem distrair ou reduzir a compreensão de seus alunos – muito pelo contrário, a sequencia lógica do caminho estabelecido pelas trilhas conduz naturalmente seus profissionais em direção à formação de novas competências e o faz de forma profundamente conectada à realidade corporativa, valorizando o tempo dedicado pelos alunos e pela organização na execução do treinamento.

Aprendizado individual e engajado: cada profissional tem o seu ritmo e estilo de aprendizagem – é por isso que é importante integrar teorias, atividades e exercícios práticos de forma a oferecer um cardápio extenso de alternativas para que seus colaboradores tenham a oportunidade de seguir o melhor caminho para seu desenvolvimento, adaptando seu percurso de aprendizagem conforme seus interesses e capacidades – a base das trilhas de conhecimento é a abordagem autocentrada que confere aos alunos certo nível de controle sobre sua própria experiência on-line. A retenção do aprendizado e o engajamento no treinamento se dão pela liberdade de escolha, expandindo habilidades e criando novas competências alinhadas às atividades cotidianas de seu time.

Facilidade de aquisição (e custos menores): por serem divididas em etapas, as trilhas de conhecimento podem ser facilmente adicionadas de forma isolada ao treinamento. Isto quer dizer que sua empresa pode complementar ou alterar uma parte significativa de seu projeto, caso haja necessidade, sem precisar refazer ou reestruturar todo o conteúdo já formatado pensando em suas equipes. Se durante a evolução do programa e-Learning for diagnosticada uma nova demanda ou surgir uma atualização importante, basta ajustar pontualmente um pedaço da trilha, sem a necessidade reescrever ou republicar todo o conteúdo.

As trilhas de conhecimento ajudam organizações e profissionais a identificar quais são seus atuais conhecimentos e habilidades e também a adquirir e desenvolver novas competências que serão vitais para os resultados da companhia. Através da evolução estruturada do conhecimento podemos promover uma experiência única de aprendizado, onde as necessidades de cada aluno são atendidas de forma dirigida, garantindo um desempenho alinhado aos objetivos de negócio da organização.

Equipe Clarity
www.clarity.com.br

Os principais formatos das pílulas de conhecimento

Quando refletimos sobre as diferentes estratégias para treinamentos corporativos sempre pensamos em como elevar ao máximo o número de situações de aprendizado, em como podemos proporcionar um conhecimento enriquecedor e duradouro. A ideia fundamental por trás do microlearning é a construção de pequenos componentes educacionais (textos, vídeos, áudios, animações, etc..) que agreguem conteúdo, contextualizem o aprendizado e fortaleçam a retenção do conhecimento de forma objetiva e orgânica, melhorando o desempenho de equipes e empresas.

As pílulas de conhecimento representam a aplicação prática desta ideia, um novo elemento educacional amplamente baseado na tecnologia mobile e no compartilhamento de informações. Que tal conhecer um pouco mais sobre esta estratégia de aprendizagem?

Formatos

As pílulas de conhecimento podem ser apresentadas nos mais diversos formatos – tudo depende das necessidades de treinamento de sua empresa e de seus colaboradores, do nível de interação e participação de seus funcionários e da tecnologia escolhida para seu treinamento:

  • Vídeo aulas com apresentadores;
  • Vídeos animados (baseados em imagens, animações e áudio);
  • Quizzes gamificados;
  • Jogos de aprendizagem;
  • Tutoriais de suporte ao desempenho;
  • Textos e gráficos.

Apesar da diversidade de formatos, a Clarity identificou os formatos mais utilizados atualmente:

Quando e como aplicar as pílulas de conhecimento:

  • Como complementação teórica e prática de cursos avançados;
  • Como ferramenta de memorização e revisão de conteúdo sobre os aspectos mais importantes do treinamento;
  • Caso exista a estratégia de acesso ao conhecimento por meio de dispositivos móveis;
  • Dentro de uma estratégia de blended learning que objetive reforçar as ações de aprendizagem presenciais; 

As pílulas de conhecimento são um excelente recurso educacional para suportar um processo de aprendizagem rápido, porém constante. Seu perfil acessível e mobile as transformaram em uma das modalidades mais atraentes dentre as estratégias de treinamento em e-Learning.

 

Equipe Clarity Solutions

O impacto positivo das pílulas de conhecimento nas organizações

Vivemos em um mundo cheio de distrações, onde foco e atenção são ativos cada vez mais raros. Complementando este cenário, a maior parte das empresas atua com estruturas cada vez mais exíguas onde tempo e disponibilidade são bens preciosos e praticamente em extinção – como promover a aprendizagem em um ambiente como este? Qual é a melhor estratégia de treinamento considerando estes desafios?

O microlearning é uma excelente estratégia de treinamento para enriquecer o aprendizado de seus colaboradores. Ao promovermos um aprendizado específico, que tem por objetivo abordar de forma rápida e focada aspectos da operação de sua organização que precisam ser de domínio de seus colaboradores, conseguimos promover melhores níveis de desempenho e uma aprendizagem mais efetiva.

As pílulas de conhecimento disseminadas dentro desta estratégia ajudam a organização a difundir conceitos fundamentais da cultura corporativa, a reforçar os pontos principais de programas de formação mais abrangentes, a gerar mais engajamento e mais produtividade. É o conceito do conhecimento certo, na medida certa, disponível no momento certo.

A seguir listamos 05 grandes vantagens que as pílulas de conhecimento agregam ao seu negócio:

  • Compartilhamento
  • Flexibilidade
  • Engajamento
  • Retenção
  • Efetividade

Segundo pesquisa que aplicamos em novembro deste ano (2017), 77% das empresas aplicam ou estão planejando aplicar as pílulas de conhecimento nos processos de educação internos.

Esses dados retratam como essa modalidade ganha força nas organizações brasileiras como uma solução para alinhar as necessidades de capacitação às preferências de aprendizagem das pessoas, constantemente influenciadas por fatores como a falta de tempo e o surgimento de novas tecnologias.

 

Equipe Clarity Solutions

Estruturando uma trilha de aprendizagem com pílulas de conhecimento

O desenvolvimento de habilidades e competências da força de trabalho com certeza é um ponto frequente na lista de prioridades da maioria das empresas. Uma equipe bem estruturada e com o conhecimento correto em mãos é capaz de revolucionar os resultados de uma operação, com níveis de performances totalmente alinhados à cultura, missão e valores corporativos se traduzindo em objetivos concretizados e melhores resultados operacionais. Além disso, um ambiente que promove a troca de informações e conhecimentos também é responsável por motivar as equipes e gerar muito mais engajamento. Este cenário promissor não é algo inatingível – muito pelo contrário, está à disposição de todos que investem em educação corporativa!

Para uma trilha de aprendizagem eficaz e poderosa podemos apostar em uma abordagem mais inovadora do conhecimento, integrando diversos pontos do treinamento através das pílulas – mas para termos sucesso precisamos considerar que este formato de treinamento exige pensar no desenvolvimento de conteúdo de acordo com a tecnologia e os formatos que serão utilizados:

  • Procure organizar e fragmentar o conhecimento em pílulas com duração média de 05 minutos;
  • Se possível, adote uma variedade de formatos – as pessoas possuem estilos de aprendizagem diferentes;
  • Privilegie sempre uma linguagem simples e objetiva, direto ao ponto;
  • Aplique testes e avaliações constantemente dentro da trilha. Exercícios breves, mas frequentes, reforçam a aprendizagem e aumentam a retenção do conhecimento;
  • Promova uma estratégia colaborativa por meio de ferramentas que permitam a troca de conhecimentos relacionados à trilha pelos alunos.

Considere também que uma trilha de aprendizagem pode e deve ser flexível, multidisciplinar e personalizada. Ela deve reunir todas as informações relevantes para uma experiência de aprendizagem duradoura e conectar conteúdo e prática de forma orgânica, para engajar seus colaboradores de forma ativa na construção do aprendizado, extraindo o máximo das pílulas de conhecimento!

Entre outras coisas, a trilha de aprendizagem formada por pílulas pode facilitar a composição da equipe de T&D para as empresas. Segundo dados do estudo O Panorama do Treinamento do Brasil, “as empresas brasileiras têm, em média, cinco profissionais de T&D em suas equipes, número que vem se mantendo constante nos últimos anos. Em média, cada profissional de T&D gerencia cerca de 8.508 horas de treinamento e desenvolvimento. Ao segmentarmos a análise, nota-se que em empresas com número de colaboradores entre 101 e 500 a carga é de 3.984 horas, enquanto em empresas com mais de 5000 colaboradores o tempo sobe para 11.935 horas. A grande variação que nota-se neste ponto da pesquisa é em relação ao ano de 2015, em que as empresas com até 500 colaboradores tinham equipes de T&D maiores e as companhias com mais de 5000 colaboradores possuíam times de treinamento 35% menores“.

As pílulas de conhecimento, aliadas ao incrível potencial das novas tecnologias, são capazes de transformar a aplicação de trilhas de aprendizagem: através de uma abordagem mais direta e criativa do conhecimento podemos impulsionar o desenvolvimento humano e formar as equipes e empresas do futuro!

 

Equipe Clarity Solutions